O paraíso segundo Lars D.
FacebookTwitterGoogle+

O Paraíso Segundo Lars D.

Numa manhã de Inverno, Lars sai de casa e encontra uma jovem a dormir no seu carro. Ele é um escritor sexagenário e, poucas horas mais tarde, parte em viagem com a jovem deixando para trás um casamento de uma vida inteira e um romance inédito: O Luto de Elias Gro.

«Uma das melhores vozes da ficção portuguesa» | Francisco José Viegas, Correio da Manhã

«João Tordo tem uma capacidade enorme de efabulação que não se encontra facilmente» | José Saramago, durante a entrega do Prémio Saramago 2009

Editora: Companhia das Letras (2015)
Comprar: Wook