O bom inverno (BIS)
FacebookTwitterGoogle+

O Bom Inverno

Livro finalista do Prémio Literário Fernando Namora 2011 e do Prémio Narrativa da Sociedade Portuguesa de Autores 2011.

Direitos vendidos para: Brasil, França, Itália.

O balão negro onde Don Metzger partiu foi encontrado na ilha de Ponza, no fundo de uma falésia, perto do final do verão. O corpo tinha apodrecido e sido parcialmente dilacerado pelas gaivotas. A polícia italiana considerou que a morte fora causada por um «acidente», e não foi feita qualquer autópsia.

Alipio e Susanna Rizzo foram interrogados, mas afirmaram ter passado o verão na casa de família, na Lombardia, depois de Don Metzger ter prescindido dos seus serviços. Surgem notícias dispersas sobre os desaparecimentos de John McGill, Roger e Stella Dormant e Vincenzo Gentile. Não surgiu qualquer notícia sobre o desaparecimento de Olivia Fontana ou Nina Pascal. Nenhum destes desaparecimentos foi ainda relacionado com a morte de Don Metzger. A polícia continua a investigar.

«Um enorme romancista que nos redime do horror, como os grandes mestres, pela força misteriosa da escrita.» | António-Pedro Vasconcelos, Sol.

«O novo romance do século XXI em Portugal.» | João Céu e Silva, Diário de Notícias.

«Um cenário belo, envolvente, telúrico, mas igualmente sem saída, fechado, claustrofóbico. Inspirado em imagens fortes dos policiais clássicos e até do cinema, para onde já trabalhou, assinando alguns guiões, João Tordo apresenta-nos um enredo que aprofunda aqulela que é a sua principal aposta literária: uma história bem contada. Neste caso, com uma forte presença do diálogo, ao contrário de romances anteriores.» | Luís Ricardo Duarte, JL.

«O Bom Inverno é o quarto (e o melhor) romance do autor» | Eduardo Pitta, Público.

Editoras: Leya Bis, Publicações Dom Quixote (2012)
Comprar: Wook