Chamo-me… Eusébio
FacebookTwitterGoogle+

Chamo-me… Eusébio

«Mas, claro, não me posso esquecer nunca do meu Benfica. Com ele, fui campeão nacional 11 vezes em 15 anos, e ganhámos cinco Taças de Portugal. Nesses anos maravilhosos, não dávamos hipóteses à concorrência. E fui, até há bem pouco tempo, o melhor marcador da Selecção Nacional, marquei 733 golos, um recorde.»

Editora: Didáctica Editora (2010)
Comprar: Wook